POEMA DE ABERTURA

  • EIS UMA VERDADE DE PRIMEIRA INSTÂNCIA: A CRIANÇA VIVE EM ESTADO DE POESIA, O POETA VIVE EM ESTADO DE INFÂNCIA. Carlos Vazconcelos

7 de nov de 2009

CIDADEZONA


Automóveis entre edifícios
homens entre escrivaninhas
pensar labor cansar


Um executivo vai depressa!
Um bancário vai depressa!
Um contínuo vai depressa!


Depressa!! Os outdoors mal conseguem olhar.
Êta vida louca, meu Deus!

Carlos Roberto VaZconcelos
(Do livro A Inquietude da Busca)

2 comentários:

P. IZABELA disse...

Então vc é o famoso Vazconcelos q sempre aparece na minha lista dos e-mails enviandos pelo Pedro Doceiro... Espero que ele tenha falado de mim p vc o tanto q falou de vc p mim (risos).

Adorei o diálogo com Drummond!

Abraços!

Carlos Roberto Vazconcelos disse...

rsrs
Pedro Doceiro? Quem é?
É o Salgueiro?
Espero que ele tenha falado de bem.

Obrigado pela visita.
Prazer falar com você.
Carlos Vazconcelos